NOTÍCIAS

Quarta-FEIRA, 24/04 08:37
Estudo aponta que 45% da população vê diversidade como algo positivo

Cerca de 45% dos habitantes ouvidos em 27 países consideram que a maior diversidade social é algo positivo, enquanto 23% acham que se trata de uma condição ruim, segundo estudo do Centro de Pesquisas Pew. Outros 16% dizem que isso não faz diferença.

No Brasil, 51% consideram a diversidade como algo positivo, e 13% são contrários a ela.

O estudo, divulgado na segunda-feira (22), considera a diversidade como a variação de preferências religiosas, origens étnicas, costumes e a cor da pele entre as pessoas que vivem em um mesmo país. O levantamento consultou 30 mil pessoas em 27 países, de março a junho de 2018.

A diversidade é mais bem vista em países como Indonésia (76% de aprovação), Coreia do Sul (68%), Reino Unido (62%) e Estados Unidos (61%).

Já a oposição à diversidade é forte na Grécia (62% contrários), Itália (45%), e entre apoiadores de partidos de extrema-direita, como o AfD, na Alemanha, e o Ukip, do Reino Unido.

IGUALDADE DE GÊNERO

A pesquisa também analisou como as pessoas avaliam o avanço da igualdade de gênero, como o pagamento de salários iguais a homens e mulheres em funções similares.

No total dos 27 países analisados, 68% consideram que houve melhora na igualdade nos últimos 20 anos, 8% disseram que houve piora e, para 22%, nada mudou.

No Brasil, 68% afirmaram ter visto melhora e para 21% tudo segue como antes. A maior percepção de mudança positiva foi na Suécia (80%). A menor, na Hungria (29%).

A Hungria foi o país onde menos pessoas (29%) se posicionaram a favor de que haja maior igualdade entre homens e mulheres. No Brasil, o apoio é de 63%. Na média dos 27 países, esse número ficou em 64%.

Em metade dos países, a defesa da busca por maior igualdade é maior entre pessoas de 18 a 29 anos. Na Coreia do Sul, ocorre o inverso: os adultos defendem mais a igualdade do que os jovens.

RELIGIÃO​ E FAMÍLIA

Questionados sobre o papel da religião hoje, 37% disseram que ela tem papel menos importante hoje do que possuía há 20 anos, e 27% acreditam que seu papel é maior. 22% não viram mudanças.

A queda da importância da religião foi mais sentida em países como Espanha (65%), Canadá (64%) e Austrália (63%).

No Brasil, a maioria (51%) consideram que a religião se tornou mais importante nas últimas duas décadas. Esta prevalência se repete em países como Indonésia (83% concordam), Nigéria (65%) e Filipinas (58%).

O Brasil também tem maioria (59%) a favor do aumento do papel da religião na sociedade, e 8% contrários. 22% pensam que é melhor não haver mudanças.

O desejo de mais espaço para a religião também é grande nos Estados Unidos (51% defendem essa posição), na Indonésia (85%) e na Nigéria (74%).

Outros países têm maioria a favor de que a religião seja menos presente, como a Suécia (51% a favor disso), a França (47%) e a Holanda (45%).

No quadro geral dos 27 países, 58% dizem que os laços familiares estão mais fracos do que há 20 anos, e 15%, que ficaram mais fortes. 22% não viram mudanças.

A visão de que os laços se enfraqueceram foi mais frequente na Tunísia (74%), Polônia (67%) e Itália (66%). No Brasil, 59% disseram ver essa redução.

As exceções foram Indonésia e Filipinas, onde a maioria disse que as relações familiares se tornaram mais fortes.

Em todos os países, a maioria das pessoas concordou que o reforço das famílias é algo bom para a sociedade.

Os países pesquisados foram: Brasil, Argentina, México, Canadá, Estados Unidos, Grécia, Hungria, França, Espanha, Reino Unido, Alemanha, Polônia, Suécia, Itália, Holanda, Rússia, Indonésia, Filipinas, Índia, Austrália, Coreia do Sul, Japão, Israel, Tunísia, Nigéria, África do Sul e Quênia.

Fonte: www.bemparana.com.br

MURAL

  • DE: Wesley

    Manda uma musica da fatima leao Especialmente pro pessoal aki na casa da vo auzira pro nivaldo panela tia tidi bora comer hm bixo morto e toma uma gelada .

    DE: Ederson Junio Pelissari

    Quero mandar um abraço ao meu amigo Luciano que está curtindo aí ilha FM ... grande abraço a todos da ilha FM a dona do primeiro lugar !!!

  • DE: MANOEL

    Estou aprocura de uma companheira para um relacionamento serio

    DE: Fabrício

    Um grande beijo para meus pais, Vilson e Márcia e minha esposa Carol.

  • DE: Ruan

    Morava em Umuarama e ouvia a ILHA FM. Hoje estou em SC e continuo ouvindo é vc a locutora Dani. Amo seu trabalho

    DE: renato

    Oi locutor essa pra minha esposa salete nel trad

  • DE: Isaias dias

    Bom dia manda um alo para a oriana, Thiago ótimo dia a vocês para vocês da rádio ilha fm

    DE: Vanderlei kappaun

    Toca pra mim Baitaca fundo da grota todo fds estamos ligado manda um abraço para minha madrinha do São João do Ivaí ilvia e joel gabardo

  • DE: Alan

    Qeria pedi reino em cansado e manda pra minha mãe e minha esposa Renata e pra vc ai

    DE: Jonas souza

    Um falou para maria rosa e joel souza leal e Jonas de porto barreiro pr

  • DE: Jonas souza

    Alou

    DE: Valdir pereira Prates

    Manda um abraço aí pra nós .aqui ouvindo ilha.

  • DE: Rafaela

    Manda um alô minha irmã Gessica e seus filhos de Itaquirai, principalmente para minha sobrinha Kamila que completou 13 anos na sexta...

    DE: sonia

    um abraço a toda familia em perola e um grande beijo.

  • DE: Daniel

    Olá Gonçalves ainda tem como tocar no sertanejo uma música do Zezé de Camargo e Luciano.

    DE: Julio Cezar Alves dos Santos

    Toca aí ela roda a cidade inteira pra ficar comigo ofereço pra meu amigo Caique

ENVIAR RECADO
Sábado, 20/05

I Love Flash Back - Umuarama 20-05-17

VER TODAS FOTOS
Rádio Ilha FM | Central Ilha de Produções
Av. Rolândia Nº 3621 - CEP 87502-170
Umuarama - PR
TELEFONES
(44) 3626-1801
(44) 3056-1803
FREQUÊNCIA

FM 107,1 MHZ
E-MAIL

107@ilhafm.com.br
NEW